Quando tudo vai bem, fazer escolhas saudáveis parece fácil. Mas e quando as coisas vão mal? O pote de sorvete, a caixa de bombons, o drive througt da lanchonete ou balcão de um bar começam a parecer mais chamativos?

A compulsão alimentar em momentos de estresse é algo comum para muita gente.

Pesquisadores Suíços publicaram na revista científica NEURAN ARTIGO, que precisavam escolher alimentos durante momentos de estresse fizeram piores escolhas, em termo nutricionais. Isto porque a parte do cérebro responsável pelo auto controle apresentava baixa conectividade ou seja, a medida em que o estresse aumentava o autocontrole decrecia e os participantes passavam a valorizar mais o sabor do alimento e o conforto proporcionado por ele do que suas qualidades nutricionais.

Estes achados não são surpreendentes, contudo, sabemos também comida feita com cerveja confortam as respostas emocionais por pouco tempo. Os problemas não desaparecem e a longo prazo, podem gerar mais problemas. Dentre eles estão o sobrepeso, a hipertensão e até desordem neurológica. Por isso,  sobre preparar, pensar, respirar e escolher apropriadamente deve ser ensinando ( nas escolas, no trabalho e no consultório). As técnicas de atenção plena (MINDTUHES) podem ser aprendidas em 08 a 12 semanas e contribuem para o sucesso em situação de estresse, dor e para tratamento de condições como compulsão alimentar, obesidade e diabetes.

Durante o período de tratamento trabalha-se para que possamos estar mais presente minuto a minuto. Além disso, é importante também trabalhar as fontes de estresse. Existem situações em sua vida que causa estresse e que são desnecessário? Dá para mudar? Se der, trace as estratégias necessárias para que possa se livrar ou minimizar tais situações. Como mostrado no estudo da NEURAN, isto fará que os hábitos saudáveis sejam mais facilmente mantidos.

Mudanças não acontecem da noite para o dia, mas com um bom plano e disposição para aprender, técnica, com alimentação consciente (MENDFULEATHING), mais aprofundada aparecerão para que possa viver a vida que deseja.

Dra. Alini  Damascena

– Especialista em Alimentação Saudável – UNB

– Pós graduanda/ Nutrição Clínica e Funcional

https://instagram.com/alinidamas?igshid=1np4gj33a3fl6

Responder